Banner 1 Marluvas - Set/Dez
Banner Bracol 1 Novembro
 
 
    Acidentes do Trabalho
    Doenças Ocupacionais
    Empresas & Negócios
    Estatísticas
    Eventos
    Geral
    Legal
    Leia na Edição do Mês
    Práticas de Prevenção
    Produtos & Serviços
    Últimas Notícias
P NN Eventos - Banner 5


Você está em: Noticias / Geral
Geral
Sinait e OIT dialogam sobre o futuro do trabalho no Brasil e mundo
Data: 28/11/2018 / Fonte: Sinait

Brasília/DF - O presidente do Sinait, Carlos Silva, e o diretor Marco Aurélio Gonsalves reuniram-se com o diretor da Organização Internacional do Trabalho no Brasil - OIT no Brasil, Martin Georg Hahn, e o presentearam com o livro "Sinait 30 anos: uma trajetória de lutas e conquistas". Na ocasião, dialogaram sobre o futuro do trabalho no Brasil e no mundo e o momento de transição governamental. Participou também do encontro Maria Cláudia Mello Falcão, coordenadora nacional do Programa Internacional para a Eliminação do Trabalho Infantil - IPEC. A reunião ocorreu nesta terça-feira, 27 de novembro, no escritório sede da OIT no Brasil, em Brasília (DF).

Ao entregar o livro, Carlos Silva relatou ao diretor Hahn a caminhada do Sindicato Nacional, que foi criado no dia 7 de outubro de 1988, dois dias depois da promulgação da Constituição Cidadã. Contou os desafios e as lutas da entidade, que se renovaram no decorrer das décadas. "O Sinait atua ininterruptamente em defesa do Auditor-Fiscal do Trabalho e do trabalhador brasileiro. O livro registra vários episódios importantes destes 30 anos de história".

O presidente aproveitou para reforçar a renovação dos compromissos do Sinait com a Inspeção do Trabalho e a proteção social do trabalho. Além disso, falou sobre as incertezas postas sobre o Ministério do Trabalho - MTb e a Inspeção do Trabalho. Expôs ainda as avaliações e preocupações sobre os cenários indefinidos, neste momento de transição, quanto ao futuro governo.

Carlos Silva ressaltou a importância do espaço junto à OIT para dialogar e reforçar a visão do Sindicato Nacional de fatos no panorama internacional. "Nos colocamos à disposição para contribuir com informações e dados sobre o tema no Brasil, destacando a relevância da atuação dos Auditores-Fiscais do Trabalho para o país".

O presidente renovou a preocupação e debateu sobre o número reduzido de Auditores-Fiscais do Trabalho, o contingenciamento orçamentário que paralisou em várias ocasiões a plena atuação da Fiscalização do Trabalho, as questões normativas da carreira, entre outros temas, inclusive que foram motivo de denúncias recentes à OIT.

Após a exposição, Carlos Silva pediu ao Martin Hahn que a OIT, como um organismo técnico dedicado às questões do mundo do trabalho, recepcione as reivindicações do Sinait. "A carreira Auditoria-Fiscal do Trabalho é fundamental para as relações de trabalho no Brasil e no mundo. Esperamos contar com o apoio do organismo para seu fortalecimento no país".

O diretor Martin Hahn agradeceu as contribuições do presidente Carlos Silva. "O encontro foi importante para entender a situação", disse o diretor da OIT.
Comentários
Deixe seu comentário sobre a notícia:
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
* E-mail, Profissão, Estado e cidade não serão publicados.
 
 
 
   
 
 
 
Código de verificação:

Repita o código ao lado:
 
 
Enviar


Mais de Geral
 
1     2     3     4     5     6     7     8     9     10
Edição do Mês
 
 

 
 
© Copyright 2009 - Revista Proteção. Todos direitos reservados.
Rua Domingos de Almeida, 218 - 93.510-100 - Novo Hamburgo - RS - Brasil. Central de Atendimento: 51 2131.0400
Revista Proteção Outras Publicações Nossos Eventos Eventos SST SuperGuiaNet Loja Virtual Legislação
Download Entidades Galerias Fale Conosco
Loft Digital