Promo Dezembro 2019 - Proteção
title='Clique aqui para ver mais sobre Fujiwara Banner 1 Dezembro'
Banner 1 Marluvas - Set/Dez
 
 
    Acidentes do Trabalho
    Doenças Ocupacionais
    Empresas & Negócios
    Estatísticas
    Eventos
    Geral
    Legal
    Leia na Edição do Mês
    Práticas de Prevenção
    Produtos & Serviços
    Últimas Notícias
P NN Eventos - Banner 5


Você está em: Noticias / Geral
Geral
Grupo Móvel resgata 9 trabalhadores em carvoaria no Tocantins

Divulgação/MTb
Data: 19/10/2018 / Fonte: Ministério do Trabalho

Santa Rita do Tocantins/TO - Uma operação do Grupo Especial de Fiscalização Móvel (GEFM), coordenado pela Secretaria de Inspeção do Trabalho (SIT) do Ministério do Trabalho, realizada em Santa Rita do Tocantins (TO) ao longo desta semana, resgatou nesta sexta-feira (19) nove trabalhadores que atuavam na produção de carvão vegetal, utilizando madeira de florestas nativas, numa carvoaria da fazenda São Sebastião, na zona rural da cidade.

Ao todo atuavam na propriedade 19 trabalhadores, dos quais 18 sem registro. Dois deles eram menores de idade. Os resgatados estavam  submetidos a regime de trabalho forçado, residindo em locais sem ventilação, asseio e higiene. Não havia também local para refeição ou preparo de alimentos, além da falta de sanitários. O empregador não fornecia aos trabalhadores, gratuitamente, equipamentos de proteção individual (EPIs) obrigatórios.

Segundo o coordenador da operação, o auditor-fiscal do Trabalho Otavio Morais Flor, foram lavrados 43 autos de infração pelo conjunto de infrações trabalhistas e pela grave violação de direitos humanos, sendo ainda o empregador obrigado a custear as verbas trabalhistas salariais e rescisórias devidas, no valor total de R$ 70.045,987.
Os nove trabalhadores resgatados receberam três parcelas do seguro-desemprego especial.

Essa operação de combate ao trabalho análogo ao de escravo do Ministério do Trabalho contou com a participação do Ministério Público do Trabalho, da Defensoria Pública da União e da Polícia Federal.

Entre janeiro e a primeira quinzena de outubro de 2018 foram encontrados 1.247 trabalhadores em situação de trabalho análogo ao de escravo no país.
Comentários
Deixe seu comentário sobre a notícia:
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
* E-mail, Profissão, Estado e cidade não serão publicados.
 
 
 
   
 
 
 
Código de verificação:

Repita o código ao lado:
 
 
Enviar


Notícias relacionadas
Mais de Geral
 
1     2     3     4     5     6     7     8     9     10
Edição do Mês
 
 

 
 
© Copyright 2009 - Revista Proteção. Todos direitos reservados.
Rua Domingos de Almeida, 218 - 93.510-100 - Novo Hamburgo - RS - Brasil. Central de Atendimento: 51 2131.0400
Revista Proteção Outras Publicações Nossos Eventos Eventos SST SuperGuiaNet Loja Virtual Legislação
Download Entidades Galerias Fale Conosco
Loft Digital