Banner 1 Marluvas - Set/Dez
title='Clique aqui para ver mais sobre Fujiwara Banner 1 Dezembro'
Promo Dezembro 2019 - Proteção
 
 
    Acidentes do Trabalho
    Doenças Ocupacionais
    Empresas & Negócios
    Estatísticas
    Eventos
    Geral
    Legal
    Leia na Edição do Mês
    Práticas de Prevenção
    Produtos & Serviços
    Últimas Notícias
P NN Eventos - Banner 5


Você está em: Noticias / Geral
Geral
Auditores-Fiscais do Trabalho são capacitados para uso de nova ferramenta de inspeção
Data: 11/02/2019 / Fonte: Sinait

Natal/RN - Auditores-Fiscais do Trabalho de Natal e Mossoró (RN) se reuniram de 6 a 8 deste mês, para estudar o funcionamento de uma nova ferramenta que deverá otimizar o trabalho da fiscalização - o sistema Khronos. O curso foi promovido pela Escola Nacional de Inspeção de Trabalho - Enit, com apoio da Delegacia Sindical do SINAIT no Rio Grande do Norte - DS/RN.

A capacitação foi realizada no auditório da Superintendência Regional do Trabalho - SRT/RN e contou com a participação de 46 Auditores-Fiscais durante os quatro turnos, que totalizaram 16 horas/aula. Os instrutores, Magno Cavalcante da Silva e Lonardo Torres Silva, conduziram as atividades.

O software foi desenvolvido para auxiliar os Auditores-Fiscais do Trabalho a detectarem infrações nas jornadas de trabalho, como excesso de horas trabalhadas, não concessão de descanso, entre outros, e assim facilitar a autuação das empresas fiscalizadas. O Khronos também permite que se realize o cálculo do reflexo da infração na folha de pagamento para fins de cobrança de pagamento de horas não pagas aos empregados e recolhimento de FGTS.

O Auditor-Fiscal do Trabalho Alexandre Bezerra Medeiros, um dos participantes do curso, defende a necessidade de fiscalizar a jornada de trabalho. "É importante assegurar uma quantidade máxima de trabalho que não cause prejuízo à saúde do trabalhador". Segundo ele, há uma correlação direta entre excesso de jornada e empregados encaminhados ao INSS. "Um curso como este estimula os Auditores-Fiscais a utilizarem ferramentas que permitem uma fiscalização mais eficaz da jornada de trabalho, do controle dos registros de ponto".

Para Medeiros, isso faz com que os Auditores-Fiscais busquem conscientizar as empresas do respeito à jornada de trabalho, não só para evitar que a empresa pague hora extra, mas para que a saúde do trabalhador seja preservada.
Comentários
Deixe seu comentário sobre a notícia:
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
* E-mail, Profissão, Estado e cidade não serão publicados.
 
 
 
   
 
 
 
Código de verificação:

Repita o código ao lado:
 
 
Enviar


Notícias relacionadas
Mais de Geral
 
1     2     3     4     5     6     7     8     9     10
Edição do Mês
 
 

 
 
© Copyright 2009 - Revista Proteção. Todos direitos reservados.
Rua Domingos de Almeida, 218 - 93.510-100 - Novo Hamburgo - RS - Brasil. Central de Atendimento: 51 2131.0400
Revista Proteção Outras Publicações Nossos Eventos Eventos SST SuperGuiaNet Loja Virtual Legislação
Download Entidades Galerias Fale Conosco
Loft Digital