Banner 01 - Ansell
Fujiwara Banner 1 Outubro
Banner 01 - Marluvas - Dezembro
Banner 1 Marluvas - Set/Dez
Banner 1 - UniSafety - 3
 
 
    Acidentes do Trabalho
    Doenças Ocupacionais
    Empresas & Negócios
    Estatísticas
    Eventos
    Geral
    Legal
    Leia na Edição do Mês
    Práticas de Prevenção
    Produtos & Serviços
    Últimas Notícias
P NN Eventos - Banner 5


Você está em: Noticias / Estatísticas
Estatísticas
Segurança do Trabalho é o curso mais procurado no Sisutec
Data: 09/08/2013 / Fonte: Terra

A formação técnica em segurança do trabalho aparece no topo da lista dos dez cursos mais procurados até agora pelos candidatos inscritos no Sistema de Seleção Unificada da Educação Profissional e Tecnológica (Sisutec). Até as 16h30 de quinta-feira (8), o curso recebeu 51.724 inscrições para as 13,3 mil vagas, o que representa 3,87 concorrentes por vaga.

A formação com 1,2 mil horas habilita o profissional a desenvolver atividades educativas na área de Saúde e Segurança do Trabalho, orientar uso de equipamentos de proteção, investigar e analisar acidentes e recomendar medidas de segurança. O técnico tem mercado em instituições públicas e privadas, além de empresas fabricantes de equipamentos de segurança.

O curso técnico em informática estava em segundo lugar entre os mais procurados até a tarde de quinta-feira. O sistema recebeu 39.377 inscrições para as 23,2 mil vagas, o que dá 1,69 candidato por vaga disponível. Com mil horas de aulas, esse curso prepara o profissional para desenvolver programas de computador, fazer manutenção e tem campo de trabalho nas áreas pública e privada e no terceiro setor.

O curso técnico de enfermagem, que é a área profissional com o segundo maior número de vagas nesta edição do Sisutec, recebeu 36.240 inscrições para as 14,2 mil vagas, o que representa 2,54 inscritos por vaga. O curso tem duração de 1,2 mil horas. Ao concluir a formação, o enfermeiro está apto a desenvolver ações de promoção, prevenção, reabilitação da Saúde; orientar e preparar pacientes para exames; aplicar vacinas, administrar medicamentos, fazer curativos. O mercado de trabalho são os hospitais, clínicas, postos de saúde e empresas, além do atendimento domiciliar.

Na relação dos dez cursos mais procurados estão: técnico em logística, com 29.979 inscritos para 13,5 mil vagas; radiologia, com 18.658 inscritos para 7,5 mil vagas; edificações, 17.405 inscritos para 4,6 mil vagas; redes de computadores, 12.113 inscritos para 11,4 mil vagas; análises clínicas, 11.131 inscritos para 3,6 mil vagas; eletrotécnica, 10.495 inscritos para 3,5 mil vagas; meio ambiente, 9.456 inscritos para 4,1 mil vagas.

Inscrições

O Sistema de Seleção Unificada da Educação Profissional e Tecnológica (Sisutec) abriu 239,7 mil vagas gratuitas em cursos técnicos para jovens e adultos que concluíram o ensino médio e fizeram o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) em 2012. Os cursos serão ministrados em 586 instituições de ensino, públicas e privadas em todo o país. As aulas começam neste semestre. Para verificar cursos e vagas, cidades e escolas, como fazer a inscrição (até 12 de agosto), o candidato deve acessar a página do Sisutec.

 

Comentários
Wânia kaseker Denuncie este comentário
Eu fiz o curso de Administração Geral ,posso não estar trabalhando nesse setor ,pois, na verdade estou desempregada ;mas na faculdade estudei alguns módulos onde a segurança do trabalho ,insalubridade ,periculosidade ,medicina do trabalho , e testes de mudança de função na empresa ,teste como estes são necessários na empresa e quem faz isso na empresa é ou acho eu o técnico de segurança .
Mauricio Lourenço Denuncie este comentário
Sejam bem vindos aos alunos inscritos no Sisutec ao curso de Segurança no trabalho. É sinal que a garotada tem prestado a atenção ao mercado de trabalho. Estude muito, façam um bom curso se atualizem sempre, sai a campo a procura de mais aprendizagens, porque na prática a teoria é outra. Com esse interesse destes jovens ao mencionado curso, compete ao governo federal, via MTE/DRT preocuparem com o nível e quantidades de fiscais responsáveis diretamente em fiscalizar as empresas desatentas, mostrando a elas um "norte" de correções e adequações ás NRs, onde com isso abrirão novas e muitas vagas por onde entrarão estes novos pretendentes ás Boas Práticas de Prevenção País afora. A que se fazer alguma coisa URGENTE.
sandra do socorro ribeiro de souza Denuncie este comentário
Gostaria de ter mais conhecimento sobre segurança no trabalho!
Deixe seu comentário sobre a notícia:
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
* E-mail, Profissão, Estado e cidade não serão publicados.
 
 
 
   
 
 
 
Código de verificação:

Repita o código ao lado:
 
 
Enviar


Mais de Estatísticas
 
1     2     3     4     5     6     7     8     9     10
Edição do Mês
 
banner6-promo-protecao-outubro02
 

 
 
© Copyright 2009 - Revista Proteção. Todos direitos reservados.
Rua Domingos de Almeida, 218 - 93.510-100 - Novo Hamburgo - RS - Brasil. Central de Atendimento: 51 2131.0400
Revista Proteção Outras Publicações Nossos Eventos Eventos SST SuperGuiaNet Loja Virtual Legislação
Download Entidades Galerias Fale Conosco
Loft Digital