Banner 1 Marluvas - Set/Dez
Banner 1 - UniSafety - 3
Banner 01 - Marluvas - Dezembro
Fujiwara Banner 1 Outubro
Banner 01 - Promo Circulação -  Outubro 2019 - proteção
Banner 01 - Ansell
 
 
    Acidentes do Trabalho
    Doenças Ocupacionais
    Empresas & Negócios
    Estatísticas
    Eventos
    Geral
    Legal
    Leia na Edição do Mês
    Práticas de Prevenção
    Produtos & Serviços
    Últimas Notícias
P NN Eventos - Banner 5


Você está em: Noticias / Estatísticas
Estatísticas
Número de acidentes de trabalho cai em Roraima
Data: 25/04/2016 / Fonte: Sinait

Roraima - O número de acidentes no trabalho caiu 41% em 2015, em relação a 2014, em Roraima, segundo dados apresentados pela Auditora-Fiscal da Superintendência Regional do Trabalho e Emprego em Roraima - SRTE/RR, Ariane Pereira Pasqua Melo.  Ela informou que, em 2014, foram registrados na SRTE 498 acidentes e cinco mortes. Em 2015, houve 353 registros de acidentes de trabalho e duas mortes.

Entre os setores que mais apresentam acidentes de trabalho estão a construção civil e obras, bem como o comércio varejista, aí incluídos restaurantes, lanchonetes e supermercados. Em 2014, foram 147 no comércio e 101 na construção civil. Em 2015 foram registrados 98 acidentes em comércio e 51 na construção civil.  "Tivemos um óbito registrado em 2013, cinco em 2014 e dois em 2015. Isso mostra que Roraima é um dos estados, no Brasil, que tem menos registros de acidentes e óbitos no trabalho", disse. 

Ela ressaltou que os dados deste ano ainda não estão disponíveis, mas informou que a redução de acidentes e de mortes no trabalho em 2015 em relação ao ano anterior, em todo estado, é fruto de um trabalho de fiscalização, conscientização e prevenção nas empresas. "Quando detectamos irregularidades ou fazemos uma análise de acidentes, não vamos em busca de achar um culpado pelo evento, mas o que tem de errado nesse processo e que a empresa corrija, que seja numa máquina ou mesmo no processo de execução do serviço, para que isso não venha mais a ocorrer. Mas, se for preciso, dependendo do grau do acidente, podemos fazer interdições de máquinas ou mesmo embargos de obras", informou.

Porém, a Auditora-Fiscal do Trabalho lamentou que, em alguns casos, as empresas não comunicam os acidentes ocorridos.  "As CATs, Comunicação de Acidentes de Trabalho, são informadas pelas empresas, mas muitas não informam. Então, essa diminuição no número de registros de acidentes pode não ser esse", afirmou acrescentando que nestes números não estão incluídos dados da Comunicação de Acidentes de Trabalho e anexos de médicos sobre doenças relativas ao trabalho, que é de responsabilidade da Previdência Social.
Comentários
Deixe seu comentário sobre a notícia:
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
* E-mail, Profissão, Estado e cidade não serão publicados.
 
 
 
   
 
 
 
Código de verificação:

Repita o código ao lado:
 
 
Enviar


Notícias relacionadas
Mais de Estatísticas
 
1     2     3     4     5     6     7     8     9     10
Edição do Mês
 
 

 
 
© Copyright 2009 - Revista Proteção. Todos direitos reservados.
Rua Domingos de Almeida, 218 - 93.510-100 - Novo Hamburgo - RS - Brasil. Central de Atendimento: 51 2131.0400
Revista Proteção Outras Publicações Nossos Eventos Eventos SST SuperGuiaNet Loja Virtual Legislação
Download Entidades Galerias Fale Conosco
Loft Digital