Congresso SST 2019 - Banner 01
Banner Bracol 1 Julho
Expo 2019 - Banner 01
Dicionário SST - banner 01
Banner 1 - UniSafety
Promoção Circulação - Julho 2019
Banner 01 - Marluvas - Dezembro
Banner 01 - Livro de Lucca
 
 
    Acidentes do Trabalho
    Doenças Ocupacionais
    Empresas & Negócios
    Estatísticas
    Eventos
    Geral
    Legal
    Leia na Edição do Mês
    Práticas de Prevenção
    Produtos & Serviços
    Últimas Notícias
Banner - 5 - Congresso SST
P NN Eventos - Banner 5
Banner - 5 - Workshop SST


Você está em: Matérias / Entrevistas / MARINA BRITO BATTILANI - Nova presidente da Fundacentro tem como principal objetivo reestabelecer a produção de conhecimento técnico-científico
Entrevistas
MARINA BRITO BATTILANI - Nova presidente da Fundacentro tem como principal objetivo reestabelecer a produção de conhecimento técnico-científico
Natural de Jandaia do Sul, interior do Paraná, a nova presidente da Fundacentro começou sua carreira após se formar em 2005 como Bacharel em Ciências Jurídicas pela Faculdade de Direito de Curitiba, advogando na iniciativa privada. Mudou-se para São Paulo e, em 2012, passou a integrar a Procuradoria-Geral Federal da Advocacia-Geral da União.

Lá, a procuradora federal atuou como coordenadora da Equipe de Trabalho Remoto de Benefícios por Incapacidade da 3ª Região, chefe da Seção de Assessoramento da Procuradoria Regional junto ao INSS e coordenadora do Núcleo de Cobrança e Recuperação de Créditos da 3ª Região, entre outros. Nessa época, já trabalhava com questões relacionadas à insalubridade e à aposentadoria especial e passou a ter contato não só com a Fundacentro, mas com assuntos voltados aos acidentes de trabalho, mais precisamente em relação às ações regressivas acidentárias.

Esteve pela primeira vez na sede da entidade em São Paulo no ano de 2017, quando participou de evento alusivo ao Dia Mundial em Homenagem às Vítimas de Acidentes de Trabalho. Ao retornar, agora como presidente, ela afirma que tem como missão "reestabelecer o objetivo principal" da Fundação, que é a "produção de conhecimento técnico-científico". Durante entrevista à Proteção, a presidente também comenta sobre a reestruturação da Fundacentro e defende a simplificação e a desburocratização das normas relativas à Segurança e Saúde no Trabalho.

Com mais de 50 anos de existência, a história da Fundacentro permeia a história da evolução da SST no país. Ao seu ver, qual a importância da Fundação para o meio prevencionista? E quais os planos para sua gestão?
A Fundacentro foi criada no fim dos anos 60 com um papel extremamente relevante de prestar subsídio técnico-científico para elaboração de normas de prevenção, saúde, segurança e higiene do trabalho. No entanto, o que eu vejo é que, ao longo dos anos, esse papel foi se perdendo. Atualmente não existe uma diretriz central para as unidades descentralizadas, nem um controle de atuação ou trabalho interdisciplinar convergente para alguma questão. O que faz com os trabalhos realizados sejam pontuais e pulverizados. A entidade também passa por uma fase de muitas aposentadorias, sendo que o quadro de inativos já supera o de ativos. Nesse momento em que a Fundação passa a ser vinculada ao Ministério da Economia, um ministério mais técnico, que trabalha de forma mais racionalizada, eu venho com a missão específica de reestruturar a entidade, redesenhá-la, para que ela volte a desempenhar o papel para o qual foi originalmente criada, usando de forma mais eficiente os recursos financeiros e humanos.

FOTO: SRI/Fundacentro

Entrevista à jornalista Raira Cardoso

Confira a entrevista completa na edição de maio da Revista Proteção.
 
Mais de Entrevistas
 
1     2     3     4     5     6     7     8     9     10
Edição do Mês
 
Expo 2019 - Banner 06
 

 
 
© Copyright 2009 - Revista Proteção. Todos direitos reservados.
Rua Domingos de Almeida, 218 - 93.510-100 - Novo Hamburgo - RS - Brasil. Central de Atendimento: 51 2131.0400
Revista Proteção Outras Publicações Nossos Eventos Eventos SST SuperGuiaNet Loja Virtual Legislação
Download Entidades Galerias Fale Conosco
Loft Digital